Se você já assistiu uma apresentação de balé, provavelmente notou a leveza e a agilidade nos movimentos dos bailarinos. Mas, já imaginou se tais movimentos pudessem ser “macados” por luz e capturados por meio da técnica de longa exposição?

O fotógrafo Jan Ludwig Engels Jr., que mora em Porto Alegre, teve essa ideia ao tentar capturar raios da varanda de seu apartamento.

Após mais de cem tentativas frustradas, ele notou algo interessante nas fotografias: os rastros dos carros que passavam pela rua. Quando pegou o celular para passar o tempo enquanto aguardava um raio cair, observou algumas fotografias de um ensaio de balé.

Foi então que teve a ideia de unir os movimentos da dança com rastros de luz, assim como os rastros dos carros em suas fotografias.

Depois de alguns contatos e muitos preparativos, nascia o projeto Balled.

Confira o resultado:

Guilherme Dantas