Imagine a situação: você está fechando um contrato envolvendo o desenvolvimento de um site. Como você é inteligente, lembrou de nossa dica e já incluiu no orçamento uma verba destinada à compra de imagens em um banco de imagens profissional.

Pronto, contrato assinado. Agora só falta escolher as imagens para o projeto. Mas será que é tão simples assim?

O forte apelo visual em projetos virtuais (como sites e blogs) e físicos (como flyers e catálogos) é uma forte tendência. Não basta simplesmente escolher qualquer imagem. É preciso escolher com inteligência.

Sendo assim, como ir além do óbvio na hora de escolher as imagens para seus projetos?

Separamos 3 dicas que podem te ajudar.

Seja inovador, mas não exagere

Um exemplo clássico: sabe a página “Fale Conosco” de um site? Qual imagem você escolheria para essa seção?

Se você pensou na imagem clássica do aperto de mão ou de alguém com um headphone, saiba que essas são as mais utilizadas para esse tipo de página. Então, dá pra inovar.

Que tal inserir a imagem de duas pessoas conversando, sem barreiras tecnológicas? Ou ainda uma imagem abstrata, que não necessariamente tem relação com o tipo de página?

É claro que isso depende do tipo de empresa que você está atendendo. Veja alguns exemplos de imagens que poderiam fazer parte dessa seção:

alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos (1) alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos (2) alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos (3) alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos (4)

Porém, é preciso tomar cuidado com a inovação. Se você está escolhendo imagens para a área de educação infantil, por exemplo, e quer inovar inserindo a imagem de um carro esportivo, saiba que sua inovação tem outro nome: falta de bom-senso.

Portanto, atente-se sempre ao contexto do projeto. Procure pensar além do óbvio, mas sem exageros.

Faça modificações na imagem baixada

Se você tem familiaridade com algum editor de imagens, como o Photoshop, poderá dar o seu toque nas imagens que fizer o download.

Já pensou em deixar todas as imagens de determinada seção em preto-e-branco? Ou com um contraste mais evidente? E que tal um efeito Duotone?

Você também pode aplicar algum filtro para que as imagens fiquem com as cores próximas das cores da empresa, ou ainda espelhar a imagem para se encaixar melhor no layout.

O importante é mostrar personalidade, se diferenciando de outras empresas, mesmo que elas utilizem a mesma imagem para seu projeto.

Que tal experimentar uma ilustração?

Já pensou na possibilidade de utilizar ilustrações em vez de fotografias em seu projeto? Também pode ser um diferencial bem interessante.

Talvez o ideal seja buscar ilustrações do mesmo autor, para que utilizem o mesmo traço em todo seu projeto. Mas nada o impede de justamente quebrar essa linha, inserindo ilustrações propositalmente diferentes em seus traços.

Como eu disse, tudo depende do projeto e de seu contexto.

Veja abaixo algumas ilustrações que poderiam estar em um site de um designer, por exemplo:

alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos-5 alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos-6 alem-do-obvio-como-escolher-boas-imagens-para-seus-projetos-7

Escolher boas imagens para seu projeto requer bastante pesquisa, planejamento e, é claro, bom-senso. Mas é possível inovar e surpreender seu cliente com imagens bem escolhidas.

Quer compartilhar alguma dica que usa para escolher boas imagens? Deixe seu comentário abaixo!

Todas as imagens que ilustram esse post foram escolhidas na Fotolia.

Guilherme Dantas