in

Conheça a verdadeira Casa de Papel, museu que inspirou a famosa série espanhola

Fenômeno de sucesso, a série “La Casa de Papel” tem como cenário o imponente prédio da Real Casa da Moeda de Madri, um dos museus mais importantes da Espanha e do mundo. Nele estão ricas coleções, instalações e máquinas que contam a história do dinheiro desde sua origem, mostrando os diferentes processos de produção.

Certamente, depois que o seriado criado por Álex Pina para a TV espanhola e posteriormente adicionado ao catálogo da Netflix conquistou o mundo, vai ter muito turista querendo visitar o ambiente da trama. O passeio pelo interessante museu começa pelas primeiras cunhagens do dinheiro, em elétrons. O acervo conta com cerca de 4.000 peças de papel estampado, matrizes, punções, carimbos do Estado, além de uma coleção de documentos históricos como bilhetes de emergência alemães do período entre guerras e projetos de lei espanhóis do século XIX.

A entrada do Museu da Casa da Moeda em Madri é gratuita e existe a possibilidade de agendar visitas guiadas para grupos. Durante o tour é possível que os visitantes fabriquem sua própria moeda. Para os fãs da série com destino à Madri, sem dúvida, este é um dos lugares obrigatórios no topo da lista de passeios.

La Casa de Papel estreou na Rede de Televisão espanhola Antena 3 em maio de 2017, mas só foi adicionada ao catálogo da Netflix no dia 25 de dezembro do mesmo ano. Sob o gênero de filmes de assalto, o thriller já conta com duas temporadas no ar, e a terceira confirmada para 2019.

A trama conta a história do maior assalto do século à Casa da Moeda de Madri, liderado pelo inteligentíssimo “El Professor” e mais 8 integrantes. Com 18 episódios de 70 minutos cada, a ação é muito bem planejada pelo brilhante El Professor (Álvaro Morte), além do toque romântico das cenas com a investigadora Raquel (Itziar Ituño), encarregada do caso.

Em termos de audiência, a série espanhola se tornou a produção de língua não-inglesa mais assistida da Netflix. O sucesso não se concentrou apenas na Espanha, países como Portugal, Brasil, França e Itália se renderam aos planos e encantos do professor e seus companheiros. Trends mundiais nas redes sociais, imitação do figurino temático como o macação vermelho e as máscaras de Salvador Dalí em fantasias, linha de roupas da série e até a cidra fabricada por El Professor se tornaram tendência.

Além disso, foi importante o reconhecimento dos excelentes atores do elenco formado por Álvaro Morte (El Profesor), Úrsula Corberó (Tókyo), Alba Flores (Nairóbi), Itziar Ituño (Raquel Murillo), Pedro Alonso (Berlin), Paco Tous (Moscou), Jaime Lorente (Denver), Miguel Herrán (Rio), Darko Peric (Helsinque) e Roberto García (Oslo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…